Dentre as situações abaixo:

  1. Problemas na condução do setor de manutenção;
  2. Gestão e manutenção aquém do que se espera;
  3. Aumento de paradas não programadas;
  4. Aumento de custos com a manutenção;
  5. Baixa moral do setor;
  6. Problemas com prazos;
  7. Falta de organização;
  8. Sucateamento da frota e do setor de manutenção;
  9. Falta de controle e ou desvios de combustíveis;
  10. O ativo quem dita a manutenção, ou seja, conforme os problemas aparecem, a equipe trabalha para “apagar incêndios”.

Se alguma das situações você já passou ou passa em sua empresa, você sabe do que estamos falando.

Então, o que deve ser feito, usado, implantado para atender exatamente de acordo com o contexto de necessidades do seu negócio e resolver cada um dos “gap’s” existentes?

Duas coisas devem ser consideradas:

1- a forma como será realizada a gestão dos ativos, por exemplo, é fundamental que uma empresa que queira evoluir seu nível de gestão de ativos, primeiro saiba em que estágio de maturidade de gestão de ativos ela se encontra. O que já existe, o que não existe, o que está implantado, o que funciona, quem são os responsáveis por informações como estas e ainda quais papéis são atribuídos de modo que a gestão de ativos contribua para ao alcance dos objetivos organizacionais.

2- de que forma o sistema de gestão de ativos apoiará a gestão de ativos, por exemplo, as informações necessárias para cumprimento da gestão de ativos são registradas, tratadas e transformadas em informações privilegiadas, possibilitando a utilização de uma abordagem proativa frente à manutenção e as falhas, ao invés de uma abordagem apenas reativa, através do controle, coordenação e organização das atividades da gestão de ativos pelo sistema de gestão de ativos.

          Isso é gestão de ativos, assegurar que os objetivos organizacionais sejam alcançados a partir daquilo que gera valor dentro do negócio. O ativo.

          Empresas detentoras de excelência na gestão de suas manutenções (em nível mundial) afirmam que: “quanto melhor e mais eficaz for o setor da manutenção melhores serão os resultados dentro das organizações como um todo”.

          Por esta principal razão a Lynx Engenharia trouxe para o mercado seu sistema de controle e gestão da manutenção de ativos, o LEMAN PRO.

 

         Teste e descubra o potencial que o  LEMAN PRO tem para impulsionar o seu negócio.

         Saiba como lidar com cada um dos problemas que contaminam o setor de manutenção e atinja resultados com amplitude que vão além do setor de manutenção e conquiste a excelência operacional, ou manutenção classe mundial para sua empresa.

Veja alguns recursos do LEMAN PRO:

 

 

Teste o Leman Pro Grátis

 

 

 

 

Assista nosso vídeo e conheça um pouco sobre a ferramenta de controle e gestão da manutenção, o LEMAN PRO e comprove o potencial que seu negócio ainda tem para expandir em faturamento e lucros. Fale com a gente.

Vídeo de Apresentação da Lynx Engenharia